Ponto de Encontro Ponto de EncontroCentro Cultural Juvenil de Santo Amaro Centro Cultural Juvenil de Santo AmaroSubscreve esta publicação Subscreve esta publicaçãoAgenda AgendaDivulga nas Notícias Divulga nas NotíciasAssociações AssociaçõesEmpreender em Almada Empreender em AlmadaOrçamento Participativo Jovem Orçamento Participativo JovemConselho Municipal da Juventude de Almada Conselho Municipal da Juventude de AlmadaConcurso Jovens Talentos Concurso Jovens TalentosInício InícioArquivo ArquivoTemas TemasP'Almada Colabora Connosco P'Almada Colabora ConnoscoCartão Almada Jovem Cartão Almada JovemRegisto Almada Jovem Registo Almada JovemRoteiro Almada Jovem Roteiro Almada JovemNotícias NotíciasRoteiro Jovem de Almada Roteiro Jovem de AlmadaDesportoEmCasa - Covid-19 DesportoEmCasa - Covid-19Divulga na Agenda Divulga na AgendaJovens em Foco Jovens em FocoA P'Almada A P'AlmadaA minha área A minha área#FicarEmCasa #FicarEmCasaProposta de Iniciativa Proposta de IniciativaJuv_jovens_em_foco Juv_jovens_em_focoAMinhaDivulgação AMinhaDivulgaçãoContactos Contactos
Logotipo CMA
Dá a tua opinião
O que é que achas do sítio da juventude?
Muito Bom
Bom
Razoável
Mau
Mater Dynamics
mater
Nome: Mater Dynamics

Área: Ciências e Tecnologias

Links

 
Equipa de alunos da FCT NOVA vence “Energia de Portugal 2015”

 
A equipa “Mater Dynamics”, uma start-up de alunos do Programa MIT Portugal e da FCT NOVA venceu o programa de aceleração "Energia de Portugal" (com um prémio de 20 mil euros), projecto promovido pelo jornal “Expresso” e pela EDP, onde apresentou o seu produto pela primeira vez em público.

 
Tiago Cunha Reis, vencedor do Prémio Almada, Terra do Empreendedorismo 2011 do Concurso Jovens Talentos – Almada Cidade Educadora, líder da “Mater Dynamics” e mentor da nova tecnologia, recorda que os QStamps podem evitar o desperdício de comida e ajudar o consumidor que vai ao supermercado com a elaboração de listas de “faltas” detetadas automaticamente na despensa no frigorífico.

 
Os QStamps começaram a ser desenvolvidos há dois anos, no âmbito da investigação que Tiago Cunha Reis realizou no doutoramento que está a tirar na Universidade Nova de Lisboa. A tecnologia começou por ser pensada para uso em pensos específicos para diabéticos, mas acabou por ser adaptada ao setor alimentar, abrindo caminho à participação no programa MIT Portugal e à criação da startup “Mater Dynamics”.