Plastico
Ambiente
O Auditório do Grupo dos Amigos da Costa da Caparica recebeu, a 20 de novembro, a sessão de encerramento do projeto piloto Plástico à Vista. Este é um projeto, que decorreu no concelho de Almada, dedicado à sensibilização e intervenção de proximidade que alerta para o problema do plástico no nosso planeta.
«A realidade mostra-nos que há sempre Plástico à Vista», diz-nos Dolores Papa, gestora de projetos da EDA – Ensaios e Diálogos Associação, uma das impulsionadoras e responsáveis pelo projeto que, em 2019, chegou a escolas e associações localizadas na Costa da Caparica e Trafaria.
 
O objetivo? Sensibilizar a comunidade para o consumo consciente do plástico, com foco na no problema deste material enquanto lixo marinho. O projeto piloto teve duração de um ano, do qual sete meses foram dedicados a sessões de sensibilização junto da comunidade.
 
Palestas, exposições, sessões de cinema, jogos e workshops com recurso a um laboratório muito especial – a PAVan - uma miniestação itinerante de transformação de plástico – foram apenas algumas das atividades que desafiaram a comunidade das freguesias da Costa da Caparica e da Trafaria a pensar o consumo do plástico de forma diferente.
 
Na totalidade, aconteceram cerca de 250 sessões de sensibilização onde estiveram mais de 1600 participantes.
 
A atuação deu-se, sobretudo, junto da comunidade escolar, nas escolas de ambas as freguesias, tendo sido, também, alcançada a comunidade local. Ações dinamizadas junto da Associação de Pescadores da Costa da Caparica ou da Associação de Moradores do 2.º Torrão são disso exemplo.
 
Mas este é, também, um projeto intergeracional. O Centro Social da Trafaria, por exemplo, foi o palco de um encontro de gerações, com programas especialmente dedicados tanto a miúdos, como a graúdos.
 
Pensar um futuro sustentável
 
Pensar e partilhar ideias para o futuro, conhecer o que de melhor é feito no âmbito da sensibilização ambiental, foram as propostas para o balanço da fase piloto do Plástico à Vista, que aconteceu na tarde de 20 de novembro, no auditório do grupo Amigos da Costa da Caparica.
 
Nesta sessão, deram o seu testemunho Luísa Nemésio, secretária geral da Fundação AMI, financiadora do projeto Plástico à Vista no âmbito do programa «No Planet B», Lurdes Soares, da Agência Portuguesa do Ambiente, e Catarina Freitas, Diretora do Departamento de Inovação, Ambiente, Clima e Sustentabilidade da Câmara Municipal de Almada.
 
Ainda durante a sessão, foi possível conhecer os testemunhos de representantes de diferentes áreas «fundamentais para pensar e trabalhar um mundo melhor», afirmou Dolores Papa.
 
Teresa Carvalheira, da equipa da série documental no âmbito da sustentabilidade «É P’ra Amanhã», José Lino Costa, professor auxiliar na Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa e investigador do MARE – Centro de Ciências do Mar e do Ambiente, Carlos Rego da Logoplaste Innovation Lab, e Diogo Geraldes, biólogo e responsável pelo desenvolvimento de programas de educação no Oceanário de Lisboa, tiveram oportunidade de apresentar o trabalho desenvolvido no âmbito da promoção de uma maior consciencialização sobre a utilização atual do plástico.
 
A sessão contou também com a presença de uma mostra de projetos inovadores no domínio da sustentabilidade o Bazer Sustentável, Re-Costura, a Skizo que produz calçado desportivo a partir de plástico recolhido no oceano e o projeto Palhinha de Massa.
 
Visite a PAVan no Mercado de Natal Amigo da Terra 2019
 
Para quem não teve oportunidade de conhecer a estação itinerante PAVan durante o verão, que esteve nas praias com Bandeira Azul do concelho de Almada a convite do Município, ou na iniciativa municipal Parlamento dos Pequenos Deputados – Fórum 21 da Criança de Almada, saiba que a vai poder encontrar no Mercado de Natal Amigo da Terra.
 
No dia 13 de dezembro e nos fins de semana de 14 e 15 e de 21 e 22 de dezembro, a partir das 12h, a PAVan estará no centro de Almada, na Praça S. João Baptista, para mostrar como podemos consumir e reutilizar o plástico de forma mais consciente.
 
Saiba mais sobre o projeto Plástico à Vista
  
O projeto Plástico à Vista é coordenado pela EDA – Ensaios e Diálogos Associação, sendo um projeto cofinanciado pela União Europeia e pelo Camões I.P., no âmbito do projeto No Planet B – AMI.
 
Mais informações em www.plasticoavista.pt
 
20/11/2019