Almada distingue poetas populares
Cultura
Teresa Antunes é a vencedora do Concurso de Quadras Populares 2018. Os prémios foram entregues dia 14 de julho, no Convento dos Capuchos, na Caparica.
Este ano participaram no concurso cerca de 700 quadras escritas por cerca de 250 concorrentes oriundos de vários pontos do país.
 
“Almada” e “Confiança” foram as palavras de inclusão obrigatória nas quadras a concurso.
 
Além dos prémios atribuídos (1.º prémio – 450 euros; 2.º prémio – 350 euros; 3.º prémio – 250 euros), os vencedores e as duas dezenas de concorrentes distinguidos com as menções honrosas receberam também um troféu alusivo às sardinhadas tão caraterísticas das festas populares, concebido pela artista plástica Luísa Becho.
 
A encerrar a cerimónia de entrega dos prémios houve ainda um momento musical protagonizado pelo quarteto de cordas da Orquestra de Câmara de Almada.
 
O Concurso de Quadras Populares é promovido pela Câmara Municipal de Almada em parceria com a SCALA – Sociedade Cultural de Artes e Letras de Almada, com o objetivo de distinguir, pela sua qualidade, as melhores quadras alusivas aos festejos de São João.
 
 
1.º Prémio
Entre Almada e São João
Há Confiança e Magia
Ela dá-lhe o coração
Ele enche-a de alegria
Autora: Teresa Maria Pulquério Antunes (Sobreda, Almada)
 
2.º Prémio
Fogueira da Confiança
Que aqueces o coração
És a força da aliança
Povo, Almada e São João
Autora: Maria Carolina Mendes Nobre (Paio Pires, Seixal)
 
3.º Prémio
Não há fogueira sem lume,
Nem São João sem noitada…
É como amor sem ciúme,
É confiança em Almada
Autor: António Manuel Gaspar Mateus Xavier (Moscavide, Loures)
 

Consulte aqui as 20 menções honrosas atribuídas.
 

16/07/2018