Setas Registo / Entrar em Sessão   Setas Newsletter   Setas Contacte-nos   Setas Mapa do Sítio
 
 
 
 
Almada Cresce Contigo
Cidade Educadora - Carta Educativa
Cidade Educadora - Oferta Educativa
Cidade Educadora - Concelho Municipal da Educação
Cidade Educadora_bt
 
Página inicial SeparadorDestaques SeparadorMonitorização do consumo, sazonalidade e variedade de fruta fornecida às crianças, nos refeitórios das Instituições Públicas do ensino pré-escolar e 1º ciclo do Concelho de Almada
Monitorização do consumo, sazonalidade e variedade de fruta fornecida às crianças, nos refeitórios das Instituições Públicas do ensino pré-escolar e 1º ciclo do Concelho de Almada seta indicativa de direcção do conteúdo 
Separador

 

IPC

Todos nós sabemos que a infância constitui o período mais favorável para a implementação de hábitos alimentares saudáveis, os quais, idealmente, devem continuar pela vida fora. Todas as entidades com responsabilidades na área da saúde, designadamente a organização mundial da saúde (OMS), entre outras, reconhecem a importância da ingestão diária de fruta pelas crianças. De acordo com a “Nova Roda dos Alimentos” (2003), devem ser consumidas entre 3 a 5 porções de fruta por dia, sendo esta considerada uma importante fonte de vitaminas do complexo B e C e caroteno, de minerais, de fibras e de açúcar simples.

    
Uma vez que a escola representa uma importante instituição no que se refere à promoção de hábitos alimentares saudáveis – local onde as crianças passam a maior parte do dia e onde fazem pelo menos 3 refeições (almoço e lanches da manhã e da tarde) – torna-se vital conhecer o consumo de fruta das crianças, não só em termos de frequência alimentar, mas também relativamente aos gostos pessoais e quais são os fatores que influenciam este comportamento alimentar. Estando na posse destas informações, torna-se possível realizar uma intervenção nutricional mais direcionada, com o objetivo final de garantir um consumo adequado destes géneros alimentícios e, tentar igualmente, aumentar a variedade disponibilizada nas cantinas escolares e também no ambiente familiar.
  

Nesse sentido, foi realizado um estudo por uma aluna da Escola Superior de Tecnologia da Saúde de Coimbra, no âmbito do seu projeto final de investigação da licenciatura em Dietética e Nutrição. Para esse efeito, foram efetuados 2864 inquéritos às crianças entre os 3 e os 10 anos, que frequentaram, no ano letivo 2017/2018, 33 instituições públicas do ensino pré-escolar e 1º ciclo do concelho de Almada. Na posse desta informação, é possível delinear estratégias para a promoção de uma alimentação mais saudável, designadamente corrigir os hábitos incorretos e identificar crianças em risco de desenvolver diferentes patologias relacionadas com práticas alimentares inadequadas, que de certo irão comprometer o seu futuro.

 

Monitorização do consumo, sazonalidade e variedade de fruta fornecida às crianças, nos refeitórios Instituições Públicas do ensino pré-escolar e 1º ciclo do Concelho de Almada



Imprimir Voltar   Imprimir Imprimir
 
Acessibilidade | Política de Privacidade | Ficha Técnica | Sugestões/Reclamações | Perguntas Frequentes
Copyright © 2013 Almada Informa. Todos os direitos reservados.
Mostra de Teatro (1)